fbpx
11 de julho de 2017

2 dicas essenciais para fotografar partos

A fotografia possui várias vertentes, temas, nichos, opções de áreas onde você, como fotógrafo, pode se especializar.

A fotografia documental é uma delas. Uma área que se divide em outros vários temas e situações, mas que consiste no propósito simples de registrar momentos de forma pessoal e delicada.

Eu sou uma fotógrafa documental e aplico esses conceitos no meu trabalho diariamente, seja na fotografia de famílias, gestantes e principalmente nos partos!

Hoje gostaria de dividir com vocês algumas dicas importantes para quem deseja registrar esses momentos tão delicados e singulares, vamos lá?

fotografia de partos

1) Relacionamento

O momento do parto é muito delicado e envolve diversas pessoas: os pais, o bebê, a equipe médica. É pela complexidade desse momento que se faz tão importante a construção de um relacionamento transparente e profissional entre os envolvidos:

fotografia de parto

  • Com os pais: é importante sanar todas as dúvidas sobre o assunto: como será o trabalho na sala de parto, até que momento o fotógrafo acompanhará a família, taxas do hospital para entrada no centro cirúrgico, todos os detalhes devem ser previamente esclarecidos. Além disso, acompanhar a evolução da gestação também é muito importante, principalmente nas semanas finais, para organização de agenda e preparação para o parto.

fotografia de parto

  • Com a equipe médica: O relacionamento com a equipe médica pode acontecer de duas formas: através do contato pessoal, caso você já conheça o médico responsável, ou através do contato dos pais com o obstetra. Caso o contato aconteça por intermédio dos pais você precisará esclarecer a importância de consultar a equipe médica e respeitar qualquer decisão que o médico tome na situação.

2) Postura

A postura profissional como fotógrafo documental é muito importante para a realização desse tipo de trabalho.

Além da atenção aos detalhes, nuances e momentos que podem acontecer durante o parto, onde você pode capturar as imagens mais expressivas e carregadas de emoções, nessa situação você também necessita ter uma postura de muito respeito e atenção à equipe médica e todos ao seu redor.

É importante ter uma percepção do espaço e respeitar os limites impostos pelos pais e médicos. Afim de manter um ambiente de trabalho confortável para todos!

Essas são duas dicas muito importantes, porém iniciais para você desenvolver seu trabalho como fotógrafo de partos. Quer entender mais sobre esse nicho de mercado? Uma ótima oportunidade é nosso Workshop A Vida Começa Agora!

fotografia de partos

Comentários
Adicionar comentário